José Aloizio Cardozo Bastos, dirigente e ex-mandatário, foi presidente da Federação de Automobilismo de São Paulo.

0
Powered by Rock Convert

Presidente da FASP, foi um personagem de destaque do automobilismo brasileiro

 

José Aloizio Cardozo Bastos (Estrela Dalva, Minas Gerais, 21 de fevereiro de 1933 – 13 de abril de 2021), dirigente e ex-mandatário, foi presidente da Federação de Automobilismo de São Paulo (FASP).

 

Ao longo de mais de cinco décadas de dedicação ao esporte, trabalhou como comissário, diretor de provas, promotor e integrou as equipes técnicas na vinda das principais categorias internacionais ao país.

 

Sob sua orientação, o Paulista de Automobilismo viveu uma grande evolução, com o surgimento de novas categorias e a transmissão das provas pelas mídias sociais.

 

Nascido no interior de Minas Gerais, na cidade de Estrela Dalva, em fevereiro de 1933, e criado no Rio de Janeiro, foi para São Paulo ainda jovem e começou, mais tarde, a trabalhar na sucursal paulistana do Automóvel Clube do Brasil, então entidade mais poderosa do automobilismo nacional.

oexploradorPowered by Rock Convert

 

Atuava no automobilismo brasileiro antes mesmo da criação da CBA. Antigo vice-presidente da FASP, assumiu o posto principal da entidade em 2015, com a morte de Rubens Carpinelli. No início de 2020, Cardozo Bastos foi reeleito no posto.

 

Atualmente, Bastos, por meio da FASP, era o responsável pelo Campeonato Paulista de Automobilismo, as Mil Milhas do Brasil, disputadas em Interlagos, o Campeonato Paulista de Rali Off-Road, além de campeonatos de kart e arrancadas.

 

Tido como um dos mais antigos organizadores de corrida da cidade de São Paulo, Cardozo Bastos será sucedido na presidência da FASP momentaneamente pelo ex-presidente da CBA, Paulo Scaglione, segundo vice-presidente do órgão. O estatuto da FASP indica que a presidência deve ir para as mãos do primeiro vice-presidente, que é Élcio de São Thiago, mas o dirigente está afastado enquanto trata problemas de saúde.

José Aloizio Cardozo Bastos faleceu em 13 de abril de 2021, vítima de um câncer na bexiga, aos 88 anos. O dirigente foi infectado pela Covid-19 em janeiro, mas se recuperou.

(Fonte: https://www.msn.com/pt-br/noticias/brasil – NOTÍCIAS / BRASIL / por Grande Prêmio – 14/04/2021)

(Fonte: https://racemotor.com.br/2021/04/14 – AUTOMOBILISMO / Por Racemotor – Abr 14, 2021)

Powered by Rock Convert
Share.