“Sou rico, muito rico, porque tenho crédito, todo mundo acredita em mim.” Amador Aguiar (1904-1991), banqueiro, fundador do Bradesco e dono de um império

0
Powered by Rock Convert

De profissional

“Pus no bolso, não sai mais. Sou velho, tenho de ter um pé-de-meia.”

“Sou rico, muito rico, porque tenho crédito, todo mundo acredita em mim.”

“Um homem sozinho não vale nada. Só vale se cercar-se de muita gente que pensa como ele.”

“Nunca li um livro de economia. Se tivesse lido, não faria tudo o que fiz.”

“Minha economia é a da dona de casa: quem ganha dez não pode gastar doze.”

 “Um homem que sabe ler e escrever pode aprender tudo.”

“Fugi de casa aos 16 anos e, a partir daí, nunca mais dependi de ninguém.”

“Trabalho não mata e não faz mal.”

“Eu nunca tive ostentação, porque a ostentação ofende.”

“Detesto atravessar um salão com muitas pessoas. Odeio dar na vista.”

“Eu não suporto meias.”

Amador Aguiar (1904-1991), banqueiro, fundador do Bradesco e dono de um império

(Fonte: Veja, 30 de janeiro de 1991 – ANO 24 – Nº 5 – Edição 1167 – Memória – Pág: 66/67)

Share.