“Fui vítima de um conluio entre contador, Coca-Cola e Procuradoria-Geral.” LAERTE CODONHO, dono da fábrica de refrigerantes Dolly, preso sob a acusação – um complô, segundo ele – de liderar um esquema para sonegar impostos

0
Powered by Rock Convert

Fui vítima de um conluio entre contador, Coca-Cola e Procuradoria-Geral.”

LAERTE CODONHO, dono da fábrica de refrigerantes Dolly, preso sob a acusação – um complô, segundo ele – de liderar um esquema para sonegar impostos

(Fonte: Veja, 20 de junho de 2018 – ANO 51 – Nº 25 – Edição 2587 – Veja Essa – Editado por Lizia Bydlowski – “As pérolas são compiladas e coletadas da imprensa e da TV e recolhidas pelos jornalistas de VEJA” – Pág: 40/41)

Share.