Foi um dos pioneiros do chocolate caseiro no Brasil

0
Powered by Rock Convert

O empresário Jayme Prawer (Porto Alegre, em 26 de maio de 1926 – Porto Alegre, 17 de janeiro de 2016), foi o fundador da tradicional fábrica de chocolates caseiros Prawer, o empreendedor também esteve à frente do primeiro café colonial de Gramado

Foi um dos pioneiros do chocolate caseiro no Brasil. Jayme Prawer, fundador da fábrica que leva seu sobrenome, Jayme  era filho de Jacob e Ana Prawer, nasceu em Porto Alegre, em 26 de maio de 1926. Na Capital, formou-se em Odontologia, mas, poucos anos após ter conquistado o diploma, largou o trabalho como dentista para empreender na cidade pela qual havia se apaixonado aos 11 anos. A primeira vez que Jayme desembarcou em Gramado foi no verão de 1936, na infância. As seis horas que levava para ele e a avó chegarem à Serra nunca desestimularam o menino a visitar a região cada vez com mais frequência.

A fim de contribuir para o desenvolvimento de Gramado, em 1970, Jayme abriu o seu primeiro negócio na cidade, a Churrascaria Bela Vista, enquanto ainda trabalhava como dentista na Capital Porto Alegre. Estimulado pelas delícias da culinária alemã e italiana que ganhava dos pacientes, como forma de agrado, dois anos mais tarde, criou o Café Colonial Bela Vista. Foi o primeiro empreendimento no ramo, dando origem a uma das mais tradicionais refeições da Serra Gaúcha.

Ainda na década de 1970, Jayme deu mais um passo na carreira de empreendedor. Ao voltar de uma viagem à Argentina, não pensou duas vezes antes de introduzir, em Gramado, o mesmo modo de produção de chocolate caseiro das fábricas que visitou em Bariloche. A semelhança entre a cidade argentina e aquela em que morava também serviu como inspiração para o gaúcho acreditar em mais um negócio. Em dezembro de 1975, começou a produção na Fábrica Prawer e, em fevereiro de 1976, foi inaugurada a primeira loja.

Powered by Rock Convert

Depois de negócios no ramo da culinária, o empreendedor não parou. Na década de 1990, Jayme esteve à frente da fundação do hotel Casa da Montanha, também em Gramado, empreendimento que, atualmente, é tocado pela família.

“A curiosidade me move”, disse o empresário, em relato ao Caderno Comemorativo de sua fábrica, 35 anos – A Trajetória de um Pioneiro, lançado em dezembro de 2010.

Devido à saúde que começava a ficar debilitada, Jayme se afastou da função de diretor da Prawer em 2005, mas continuou acompanhando todos os passos da empresa, que passou a ser dirigida pela filha, Nadia Prawer.

Prawer morreu em 17 de janeiro de 2016, aos 89 anos, de complicações de saúde decorrentes da idade avançada. O empresário estava no Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre.

(Fonte: http://zh.clicrbs.com.br/rs/noticias/noticia/2016/01 – NOTÍCIAS – 18/01/2016)

Powered by Rock Convert
Share.