A primeira mulher a liderar a Corte Constitucional da Itália

0
Powered by Rock Convert

Itália terá 1ª mulher na presidência da Corte Constitucional

 

A juíza Marta Cartabia será a primeira mulher a liderar a Corte Constitucional da Itália. Ela foi eleita em 11 de dezembro de 2019, por 14 dos 15 membros da Corte, em votação secreta. A única abstenção foi dela mesma, que votou em branco.

 

Aos 56 anos de idade, Marta Cartabia também passa a ser considerada a líder mais jovem da Corte Constitucional italiana.

oexploradorPowered by Rock Convert

 

Nascida em San Giorgio su Legnano, na Lombardia, Cartabia é graduada em Direito pela Universidade de Milão, com a tese “O Direito Constitucional Europeu existe?”, e é Ph.D em Direito pela Universidade Instituto Europeu de Florença. Entrou para a Corte Constitucional da Itália em 2011, nomeada pelo então presidente Giorgio Napolitano.

 

Três anos depois, tornou-se vice-presidente da instituição. Marta Cartabia também é professora de Direito Constitucional. Na Presidência da Corte, ela ficará até setembro de 2020.

 

A escolha de uma mulher para o posto mais alto do órgão tem sido considerada histórica pela imprensa italiana.

(Fonte: https://www.uol.com.br/universa/noticias/ansa/2019/12/11 – NOTÍCIAS / POLÍTICA / Da ANSA – 11/12/2019)

Powered by Rock Convert
Share.