“Não queremos um animal estranho vagando para cima e para baixo no laboratório. O que queremos é devolver esse animal à natureza.” Michael Archer, diretor do Australian Museum, sobre a clonagem, prevista para daqui a dez anos, do Tigre da Tasmânia, animal extinto em 1936

0
Powered by Rock Convert

“Não queremos um animal estranho vagando para cima e para baixo no laboratório. O que queremos é devolver esse animal à natureza.”

Michael Archer, diretor do Australian Museum, sobre a clonagem, prevista para daqui a dez anos, do Tigre da Tasmânia, animal extinto em 1936

(Fonte: Veja, 5 de junho de 2002 – ANO 35 – Nº 21 – Edição 1753 – Veja Essa/ Por Júlio Cesar de Barros – Pág: 36/37)

Share.