“Não ando perdida, mas desencontrada.” Cecília Meireles (1901-1964), poeta, ensaísta, cronista, educadora e jornalista carioca. Foi a primeira voz feminina de grande expressão na literatura brasileira, com mais de 50 obras publicadas.

0
Powered by Rock Convert

Não ando perdida, mas desencontrada.”

Cecília Meireles (1901-1964), poeta, ensaísta, cronista, educadora e jornalista carioca. Foi a primeira voz feminina de grande expressão na literatura brasileira, com mais de 50 obras publicadas.

(Fonte: Revista Caras – 28 de outubro de 2008 – EDIÇÃO 782 – Citações)

Share.