“Há uma tendência a estimular um tipo de filme que encontra dificuldade no mercado. E não dá para competir com o cinema estrangeiro de alta tecnologia e orçamento estratosférico com filmes que nem se dispõem a buscar a preferência do público.” Roberto Farias, diretor de cinema, falando dos patrocínios da Petrobras

0
Powered by Rock Convert

Há uma tendência a estimular um tipo de filme que encontra dificuldade no mercado. E não dá para competir com o cinema estrangeiro de alta tecnologia e orçamento estratosférico com filmes que nem se dispõem a buscar a preferência do público.”

Roberto Farias, diretor de cinema, falando dos patrocínios da Petrobras

(Fonte: Veja, 10 de outubro de 2007 – ANO 40 – Nº 40 – Edição 2029 – PANORAMA – Veja Essa – Editado por JULIO CESAR DE BARROS – Pág: 58/59)

Share.