Arturo di Modica, escultor siciliano, autor do famoso touro de bronze símbolo de Wall Street, em Nova York

0
Powered by Rock Convert

Escultor do touro indomável de Wall Street

 

O italiano Arturo Di Modica esculpiu a peça em bronze depois da crise da bolsa americana de 1987

 

Escultor italiano, cuja peça ‘Charging bull’ se tornou ponto turístico de Nova York

Arturo di Modica (Vittoria, Itália, 26 de janeiro de 1941 – Vittoria, perto de Ragusa, no sul da Sicília, 19 de fevereiro de 2021), escultor siciliano, autor do famoso touro de bronze símbolo de Wall Street, em Nova York.

 

O escultor siciliano é conhecido, sobretudo, por sua imponente escultura de touro de bronze de 3,2 toneladas, instalada perto da Bolsa de Valores de Nova York.

 

A peça, intitulada “Charging Bull”, foi esculpida pelo artista e financiada de seu próprio bolso. À época, gastou mais de US$ 350.000.

O touro foi instalado ilegalmente em frente à Bolsa de Valores de Nova York, após a quebra de 1987, como um símbolo da “força e poder do povo”.

 

Di Modica transportou sua escultura em um caminhão em dezembro de 1989 até Lower Manhattan e a deixou sob uma árvore de Natal em frente à Bolsa de Valores de Nova York. Foi seu presente de Natal para os nova-iorquinos.

 

oexploradorPowered by Rock Convert

Depois de algumas semanas de uma verdadeira guerrilha artística, o touro foi finalmente aceito pela cidade. Em 1989, encontrou sua localização atual, ao norte do Parque Bowling Green, no cruzamento da Broadway.

 

O “Charging Bull” é uma das obras mais fotografadas da cidade de Nova York. Diz a lenda que coçar o focinho, agarrar seu chifres, ou testículos, traz boa sorte.

Já faz muito tempo e está esquecido, principalmente fora do meio financeiro, mas a bolsa de valores de Nova York teve uma queda de provocar ataque cardíaco na segunda-feira de 19 de outubro de 1987. O índice Dow Jones despencou quase 23% e a quebradeira, como de costume, refletiu no mundo todo. Dois anos depois, entretanto, a economia já se preparava para uma década mais auspiciosa e um artista italiano decidiu expor sua obra em homenagem ao espírito empreendedor americano.

 

Assim, o Touro Indomável (Charging Bull), uma peça de bronze de 3 toneladas, foi exposta sem autorização em Wall Street por Arturo Di Modica. O touro, no jargão da bolsa de valores, representa a força do mercado e é utilizado como símbolo quando os negócios estão em alta e as ações em ascendência. Seu antípoda é o urso, símbolo do mercado em queda, o devorador de lucros.

 

Por ter sido inicialmente uma exposição de arte não-autorizada, o touro de bronze de Di Modica foi removido pelas autoridades depois da instalação, mas o clamor popular fez com que a peça voltasse ao seu lugar no centro financeiro de Nova York e lá ela está até hoje, tendo virado atração turística desde então. Di Modica morreu na cidade onde nasceu, Vittoria, na região da Sicília, Itália. Chegou aos Estados Unidos em 1970 “sem um tostão”, segundo ele mesmo relatou, e conseguiu construir uma carreira bem-sucedida como escultor.

 

Arturo di Modica faleceu em 19 de fevereiro de 2021, aos 80 anos, em sua casa em Vittoria, perto de Ragusa, no sul da Sicília.

(Fonte: https://www.msn.com/pt-br/noticias/mundo – NOTÍCIAS / MUNDO / por Sergio Figueiredo – 22/02/2021)

(Fonte: https://istoe.com.br – EDIÇÃO Nº 2666 – CULTURA / por AFP – 20/02/2021)

Powered by Rock Convert
Share.