Moacir Barbosa Nascimento, entrou para a história como o responsável pela derrota do Brasil para o Uruguai na Copa de 1950

0
Powered by Rock Convert

Ídolo do Vasco

 

Moacir Barbosa Nascimento (Campinas, 27 de março de 1921 — Praia Grande, 7 de abril de 2000), ídolo do Vasco, foi o goleiro que entrou para a história como o responsável pela derrota do Brasil para o Uruguai na Copa de 1950.

 

“Eu fui condenado a uma prisão perpétua”, disse Barbosa, sobre o chute que não conseguiu segurar, do ponta-direita uruguaio Gigghia, que levou o Brasil a perder de 2×1 diante de 200 mil torcedores no Maracanã.

 

Considerado um dos melhores goleiros do mundo de sua época, ele jogou pelo Vasco da Gama por 18 anos e só parou em 1963, aos 42 anos. Foi treinador por pouco tempo e, aos 45 anos, tornou-se funcionário público.

oexploradorPowered by Rock Convert

 

Barbosa viveu os últimos anos em grande dificuldade financeira, dependendo de uma ajuda mensal de R$ 2 mil que o Vasco da Gama lhe dava.

 

Moacir Barbosa faleceu em 7 de abril de 2000, por problemas decorrentes de um derrame cerebral, aos 79 anos.

Viúvo, deixa um sobrinho e uma cunhada, seus únicos parentes. Ele foi enterrado no sábado 8, no cemitério Morada da Planície, em Praia Grande, litoral de São Paulo.

(Fonte: https://www.terra.com.br/istoegente/37/tributo – TRIBUTO / Por Cesar Taylor – 13 de abril de 2000)

Copyright 1996/2000 Editora Três

Powered by Rock Convert
Share.