Alberto Dualib, ex-dirigente e empresário esportivo, era ex-presidente do Corinthians

0
Powered by Rock Convert

Ex-presidente do Corinthians (3x campeão brasileiro)

 

Alberto Dualib (Glicério, São Paulo, 14 de dezembro de 1919 – São Paulo, 13 de julho de 2021), ex-dirigente e empresário esportivo, era ex-presidente do Corinthians.

 

No clube, ele foi campeão brasileiro por três vezes. Foi o presidente com mais taças da história do Corinthians. Foram 12 conquistas importantes no período: além dos três brasileiros, em 1998, 1999 e 2002, foram ainda cinco Campeonatos Paulistas (1995, 1997, 1999, 2001 e 2003), duas Copas do Brasil (1995 e 2002), uma Liga Rio-São Paulo (2002), um Mundial de Clubes (2000), uma Copa Bandeirantes (1994 – torneio oficial organizado pela Federação Paulista que lhe valeu vaga na Copa do Brasil de 2005) e um Troféu Ramon de Carranza (1996).

 

Histórico dirigente corintiano, Dualib presidiu o clube entre 1993 e 2007, quando renunciou antes de passar por um processo de impeachment que estava sendo articulado dentro do clube em decorrência das investigações por parte do Ministério Público envolvendo a parceria com a MSI.

Durante o período em que comandou o Corinthians, Dualib conquistou 12 títulos importantes: cinco Campeonatos Paulistas (1995, 1997, 1999, 2001 e 2003), um Torneio Rio-São Paulo (2002), duas Copas do Brasil (1995 e 2002), três Brasileiros (1998, 1999 e 2005) e um Mundial de Clubes (2000).

 

Nascido em Glicério, município do interior paulista na região de Araçatuba, o descendente de imigrantes libaneses se mudou com a família para São Paulo aos 10 anos de idade. Nos anos 1940, tornou-se sócio corinthiano.

 

oexploradorPowered by Rock Convert

Antes de ser presidente do clube por 14 anos, foi vice-presidente de Patrimônio e Obras, presidente do Conselho Deliberativo, vice-presidente de Futebol e vice-presidente Social. Por ter ocupado a presidência, tornou-se membro nato do Cori (Conselho de Orientação).

Foi presidente do Corinthians de 1993 a 2007, ano em que renunciou ao cargo. Nos seus mandatos, o futebol profissional conquistou títulos do Campeonato Paulista (1995, 1997, 1999, 2001 e 2003), da Copa do Brasil (1995 e 2002), do Brasileiro (1998, 1999 e 2005), Torneio Rio-São Paulo (2002) e do Mundial de Clubes (2000).

Quando renunciou ao cargo de presidente em setembro de 2007, o Corinthians estava em vias de ser rebaixado a Série B do Brasileirão, o que se confirmou em dezembro, sendo o pior momento da história do clube no futebol.

 

Só que após a sua saída do Corinthians, em 2013, Dualib foi condenado em segunda instância pelo Tribunal de Justiça de São Paulo, por desvio de R$ 1,4 milhão dos cofres do Corinthians. Recorreu em liberdade até a extinção da pena por prescrição, no Superior Tribunal de Justiça, em 2018.

Alberto Dualib faleceu em 13 de julho de 2021 no Hospital Santa Catarina, em São Paulo, onde estava internado desde a primeira quinzena de junho, aos 101 anos de idade.

Confira a nota de pesar publicada pelo Corinthians:

“Com pesar, o Sport Club Corinthians Paulista cumpre o dever de informar o falecimento do ex-presidente Alberto Dualib, aos 101 anos. Ele estava internado no Hospital Santa Catarina desde junho de 2021. 

Viúvo de Elvira Real Dualib desde 2011, Alberto deixa três filhos, além de netos e bisnetos. O Corinthians abraça os parentes e amigos do ex-dirigente neste momento de luto e dor”.

(Fonte: https://www.esportejundiai.com/2021/07 – ESPORTE JUNDIAÍ / por Thiago Batista de Olim – 14.7.21)

(Fonte: GAÚCHAZH – ANO 58 – N° 20.074 – 15 DE JULHO DE 2021 – MEMÓRIA / TRIBUTO – Pág: 29)

(Fonte: https://www.terra.com.br/esportes/corinthians – ESPORTES / CORINTHIANS / por LANCE! – 14 jul 2021)

© COPYRIGHT 2021, TERRA NETWORKS BRASIL S.A.

Powered by Rock Convert
Share.