“Temos sempre alguém do governo que nos acompanha para sair, e a possibilidade de contato com a população civil não é grande.” Ignacio Cano, sociólogo espanhol radicado no Rio de Janeiro, que está em Bagdá para servir de escudo humano contra um ataque americano, desfrutando as liberdades públicas do país do ditador iraquiano Saddam Hussein

0
Powered by Rock Convert

“Temos sempre alguém do governo que nos acompanha para sair, e a possibilidade de contato com a população civil não é grande.”

Ignácio Cano, sociólogo espanhol radicado no Rio de Janeiro, que esteve em Bagdá para servir de escudo humano contra um ataque americano, desfrutando as liberdades públicas do país do ditador iraquiano Saddam Hussein

(Fonte: Veja, 19 de fevereiro de 2003 – ANO 36 – Nº 07 – Edição 1790 – Veja Essa/ Por Julio Cesar de Barros – Pág: 32/33)

Share.