Nunca cometo o mesmo erro/ duas vezes/ já cometo duas três/ quatro cinco seis/ até esse erro …

0
Powered by Rock Convert

Nunca cometo o mesmo erro/ duas vezes/ já cometo duas três/ quatro cinco seis/ até esse erro aprender/ que só o erro tem vez.

Paulo Leminski (1945-1989), poeta curitibano.

(Fonte: www.caras.uol.com.br – ANO 15 – N° 36 – 10 de setembro de 2008 – Edição nº 775 – Citações)

Share.