John Phillip Law, foi um dos mais famosos peitos masculinos da história do cinema

0
Powered by Rock Convert
John Phillip Law como Pygar em Barbarella (1968) de Roger Vadim

John Phillip Law como Pygar em Barbarella (1968) de Roger Vadim

John Phillip Law (Hollywood, Los Angeles, Califórnia, 7 de setembro de 1937 – Los Angeles, Califórnia, 13 de maio de 2008), foi um dos mais famosos peitos masculinos da história do cinema.

Law é lembrado especialmente como o anjo cego Pygar, em “Barbarella”, a obra-prima kitsch que Roger Vadim dirigiu em 1968.

Dino de Laurentiis havia escalado Law, um belo californiano loiro e de físico imponente, como o anjo protetor, alado e seminu, da heroína intergaláctica e sexualmente insaciável interpretada por Jane Fonda. 

John Phillip Law participou na produção de Diabolik, versão para a TV da HQ criada pelas irmãs Ângela e Luciana Giussani na década de 1960, fez sua estreia em 1962, tornando-se uma das primeiras publicações do gênero para adultos, na Itália.

Ela logo ganhou fama por inverter o foco das histórias que vinham sendo publicadas no país até então: ao invés de retratar as aventuras de um herói, Diabolik narra as atividades de um ladrão e assassino frio e calculista que, ao lado da amante Eva Kant, consegue realizar diversos assaltos, deixando a polícia aturdida.

oexploradorPowered by Rock Convert

A lei e a ordem é representada pelo inspetor Ginko, determinado a prender Diabolik. Este cresceu em uma ilha secreta, esconderijo de diversos criminosos, que lhe ensinaram diversos truques e habilidades que mais tarde serviram para que Diabolik mergulhasse na vida do crime.

Em 1968, o personagem ganhou uma versão cinematográfica pelas mãos do diretor Mario Bava. O filme, produzido por Dino Di Laurentis e Bruno Todin, recebeu o título de Danger: Diabolik, estrelado por John Phillip Law e Marisa Mell (1939-1992.

John Phillip Law morreu aos 70 anos em Los Angeles, dia 13 de maio de 2008.

(Fonte: http://veja.abril.com.br/blog/temporadas/series/versao-televisiva – NOVA TEMPORADA/ Por Fernanda Furquim – 

(Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/fsp/opiniao/fz2205200806 – FOLHA DE S.PAULO – OPINIÃO/ Por KENNETH MAXWELL – 22 de maio de 2008)

Copyright Empresa Folha da Manhã S/A. Todos os direitos reservados.

Powered by Rock Convert
Share.