André Franco Montoro, ex-governador de São Paulo. Foi o líder do principal comício pelas diretas

0
Powered by Rock Convert

VOZ DA MODERAÇÃO

Venceu a primeira eleição direta para o governo paulista durante a ditadura militar

O deputado federal André Franco Montoro (Foto: Folha Imagem)

O deputado federal André Franco Montoro (Foto: Folha Imagem)

Governador paulista de 83 a 87, fundador do PSDB

O Brasil perdeu uma liderança que teve participação decisiva na consolidação da democracia no país. O nome do ex-governador de São Paulo André Franco Montoro (São Paulo, 14 de julho de 1916 -— São Paulo, 16 de julho de 1999), deputado federal, governador de São Paulo (1983-87) e um dos fundadores do PSDB, aparece com destaque na retrospectiva dos melhores momentos da História recente. Em 1982, como candidato do PMDB, venceu a primeira eleição direta para o governo paulista durante a ditadura militar. Dois anos mais tarde, desempenhou papel fundamental na chamada campanha das diretas, o movimento que tinha por objetivo aprovar no Congresso a Emenda Dante de Oliveira e restaurar a eleição direta para presidente da República.

Montoro, um dos líderes do processo de redemocratização do país na década de 80, foi senador e era deputado federal reeleito. Participou também, como ministro, do governo de João Goulart.

Montoro foi um dos principais líderes do movimento “Diretas-Já”. Em seu governo, ajudou a organizar o histórico comício da praça da Sé, em 84, quando 300 mil pessoas reivindicaram o direito de votar em eleição direta para presidente.

Foi o líder do principal comício pelas diretas, que reuniu 1 milhão de pessoas na Praça da Sé. Com a emenda derrotada no Congresso, ele ajudou a articular a vitória do presidente Tancredo Neves no colégio eleitoral, em 1985. Depois da morte de Tancredo, Montoro e outras lideranças saíram do PMDB e fundaram o PSDB. Ele ainda contribuiu para projetar nacionalmente nomes como Mário Covas, José Serra e Fernando Henrique Cardoso. Quando foi anunciada a morte de Montoro, o governador Covas decretou luto de sete dias, o mais longo desde que assumiu o governo.

Montoro morreu no dia 16 de julho de 1999, aos 83 anos, de infarto.

Diversas correntes
O velório, o primeiro a ocorrer no hall nobre do Palácio dos Bandeirantes (sede do Executivo paulista), reuniu políticos de vários partidos e diversas correntes.

Estiveram no local outros fundadores do PSDB, entre eles o presidente Fernando Henrique Cardoso e o governador paulista, Mário Covas.

oexploradorPowered by Rock Convert

Também compareceram o ministro da Educação, Paulo Renato Souza, o presidente da CUT, Vicente Paulo da Silva, o ex-ministro Bresser Pereira, o ex-governador Orestes Quércia (que foi vice de Montoro), os senadores Eduardo Suplicy (PT) e Romeu Tuma (PFL), o ex-candidato do PPS à Presidência Ciro Gomes, o vice-governador Geraldo Alckmin (PSDB), o presidente da Câmara dos Deputados, Michel Temer (PMDB), e o presidente nacional do PT, deputado José Dirceu, entre outros.
(Fonte: Veja, 21 de julho de 1999 -– ANO 32 -– N.º 29 -– Edição 1607 – DATAS/LUPA –- Pág; 99)

(Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/fsp/brasil – BRASIL – MEMÓRIA – 17 de Julho de 1999)

 

 

ANDRÉ FRANCO MONTORO (São Paulo, 14 de julho de 1916 -— São Paulo, 16 de julho de 1999), deputado federal, governador de São Paulo (1983-87) e um dos fundadores do PSDB

DÉCIMO-QUINTO GOVERNADOR

Período de governo: 03/1983 – 03/1987

Paulistano, formou-se em Direito, pela USP, e em Filosofia e Pedagogia, pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras São Bento, no mesmo ano de 1938. Quando eleito governador, já havia percorrido longa carreira política como vereador, deputado estadual e, entre 1959-1971, três vezes deputado federal. No governo parlamentarista de Tancredo Neves ocupou o Ministério do Trabalho e da Previdência Social (1961/1962). Foi também senador da República, entre 1971 e 1983. Governou São Paulo de 15.03.1983 a 15.03.1987.

Descentralizou a Administração do Estado em 42 Regiões de Governo. Na área da educação,municipalizou a merenda e as construções escolares, além de implantar o Ciclo Básico no 1º Grau. Construiu 4 mil quilômetros de estradas vicinais, redes de água e esgoto, expandiu a linha Leste-Oeste do Metrô e reequipou as Polícias Civil e Militar. Foi uma das principais lideranças da luta pela redemocratização do país e da campanha pelas eleições diretas para Presidente da República. Fundador e presidente do PSDB, em 1988.Voltou a atuar como deputado federal, entre 1995 e 1999, ano em que faleceu.

(Fonte: www.galeriadosgovernadores.sp.gov.br)

Powered by Rock Convert
Share.