A primeira mulher negra a receber um Oscar honorário

0

Cicely Tyson é primeira mulher negra a vencer Oscar honorário

 

 

A cerimônia do Governors Awards, que concede as estatuetas honorárias anuais do Oscar, aconteceu em 18 de novembro de 2018 com duas homenagens históricas: a atriz Cicely Tyson foi a primeira mulher negra a receber um Oscar honorário; e Kathleen Kennedy foi a primeira mulher a receber o Irving G. Thalberg Award, reservado aos produtores.

 

 

Indicada ao Oscar de melhor atriz por “Lágrimas do Esperança”, de 1972, a atriz de 93 anos se tornou conhecida por toda uma nova geração ao assumir o papel da mãe de Annalise Keating (Viola Davis) em “How to Get Away with Murder”.

 

 

A própria Tyson discursou ao receber a estatueta, citando que foi acompanhada de uma amiga à cerimônia do Oscar de 1973, quando foi indicada. A atriz contou que chegou a convidar a mesma amiga para acompanha-la nesta nova honraria, mas que ela acabou morrendo poucos dias após o pedido.

 

“Eu não poderia estar aqui se não fosse por vocês”, comentou ela, se referindo a todos que a ajudaram em sua carreira. “Vocês estiveram ao meu lado, ao meu redor, abaixo de mim, me apoiando”.

 

 

Kathleen Kennedy

 

 

A dona de Star Wars 

 

 

Enquanto isso, Kathleen Kennedy foi homenageada ao lado de seu parceiro de produção (e marido) Frank Marshall. Matt Damon e Steven Spielberg subiram ao palco para discursar sobre a dupla, responsável por filmes das sagas “Star Wars” e “Indiana Jones”, entre outros.

 

 

Spielberg se lembrou de contratar Kennedy como sua assistente no set de “Os Caçadores da Arca Perdida”, primeiro filme do aventureiro interpretado por Harrison Ford. “Em um momento ela estava anotando tudo o que via, e em outro estava dando ordens para todo mundo”, brincou.

 

Kennedy hoje em dia comanda a Lucasfilm, vendida por George Lucas para a Disney. Ela coordena todos os lançamentos da saga “Star Wars” e outras produções da companhia.

 

A produtora falou sobre a necessidade de diversificar Hollywood em seu discurso. “Estou muito orgulhosa de ser a primeira mulher a aceitar este prêmio. Todos nós sabemos como diversidade é importante. Nossa indústria decide quem pode contar suas histórias”, comentou.

 

 

Outros dois veteranos de Hollywood receberam estatuetas honorárias no domingo: o compositor Lalo Schifrin (“Horror em Amityville”, “A Hora do Rush”) e o publicitário Marvin Levy.

(Fonte: https://noticias.bol.uol.com.br/ultimas-noticias/entretenimento/2018/11/19 – ÚLTIMAS NOTÍCIAS / ENTRETENIMENTO / Caio Coletti / Colaboração para o UOL – 19/11/2018)

Share.