“Todo brasileiro é obrigado a ter vergonha na cara.” Parágrafo único: “Revogam-se as disposições em contrário.” Capistrano de Abreu (1853-1927), historiador cearense, em emblemática recomendação no sentido conotativo sobre à vergonha, que passou a ser aplicada em muitos contextos, para quem nossa Constituição deveria ter apenas um artigo.

0
Powered by Rock Convert

“Todo brasileiro é obrigado a ter vergonha na cara.” Parágrafo único: “Revogam-se as disposições em contrário.”

Capistrano de Abreu (1853-1927), historiador cearense, em emblemática recomendação no sentido conotativo sobre à vergonha, que passou a ser aplicada em muitos contextos, para quem nossa Constituição deveria ter apenas um artigo.

(Fonte: Revista Caras, 25 de março de 2016 – Ano 23 – N° 13 – Edição 1168 – ETIMOLOGIA/ Por Deonísio da Silva – Pág: 37)

Share.