Raymond Kopa, lendário jogador francês, foi um dos principais nomes da história do Real Madrid, onde conquistou três Ligas dos Campeões da Europa

0
Powered by Rock Convert

Kopa, lenda do futebol francês e Real Madrid

 

Kopa, lenda do futebol francês e Real Madrid (Foto: Getty Images/ Reprodução)

Kopa, lenda do futebol francês e Real Madrid
(Foto: Getty Images/ Reprodução)

 

Lenda francesa com passagem pelo Real Madrid

 

Kopa participou de cerimônia no Santiago Bernabéu no início de 2017 (Foto: Gerard Julien / AFP / AFP)

Kopa participou de cerimônia no Santiago Bernabéu no início de 2017.
(Foto: Gerard Julien / AFP / AFP)

Meia-atacante passou pelo time madrilenho entre 1956 e 1959

Raymond Kopa (Nœux-les-Mines, 13 de outubro de 1931 – 3 de março de 2017), lendário jogador francês, foi um dos principais nomes da história do Real Madrid, onde conquistou três Ligas dos Campeões da Europa

Raymond Kopa, lenda do futebol francês e que foi campeão da Europa três vezes com o Real Madrid nos anos 1950, que também foi atacante do Stade de Reims. 

Raymond Kopaszewski — seu nome completo —, nasceu em Noeux-les-Mines, no norte da França, em outubro de 1931, um meia ofensivo, nasceu em uma família de trabalhadores do setor de mineração na região norte da França.

Raymond Kopa conquistou em 1958 a Bola de Ouro, e se tornou no primeiro jogador francês em conseguir tal façanha.

Raymond Kopa conquistou em 1958 a Bola de Ouro, e se tornou no primeiro jogador francês em conseguir tal façanha - (Foto: France Football/ Reprodução)

Raymond Kopa conquistou em 1958 a Bola de Ouro, e se tornou no primeiro jogador francês em conseguir tal façanha – (Foto: France Football/ Reprodução)



Considerado na França como o verdadeiro precursor de Michel Platini e Zinedine Zidane, sua contratação pelo Real Madrid, em 1956, procedente do Stade de Reims, as duas grandes potências do futebol europeu na metade da década de 50, foi uma das primeiras operações midiáticas.

Kopa também viveu dias de glória na seleção francesa, com a qual brilhou na Copa do Mundo de 1958 (Suécia), onde foi um dos destaque do torneio vencido pelo Brasil e seu companheiro Just Fontaine estabeleceu o recorde ainda vigente de gols marcados, 13.

Criado em uma família de poloneses que emigraram para França com o objetivo de trabalhar na mina, o próprio Kopa perdeu um dedo quando trabalhava como mineiro.

Ele chamou a atenção dos olheiros em uma competição nacional, em 1949, e depois de dois anos no Angers, assinou pelo Reims.

oexploradorPowered by Rock Convert

Após perder a final europeia para o Real Madrid, assinou com a equipe espanhola e se uniu a Alfredo Di Stéfano e formou ao lado de Rial e Gento um dos ataques mais temíveis de todos os tempos.

Pelo Real venceu três Ligas dos Campeões e dois Campeonatos Espanhois, antes de retornar para o Stade de Reims, em 1959.

Terceiro colocado na Bola de Ouro de 1956 e 1957, finalmente o conseguiu o prêmio em 1958.

Ganhou fama no Campeonato Francês ao jogar pelo Angers, antes da transferência para o Reims, que defendeu de 1951 a 1956. Depois jogou no Real Madrid ao lado de Alfredo di Stefano, um dos melhores jogadores do mundo na época.

No clube espanhol, Kopa venceu três vezes a Copa da Europa de Clubes Campeões em 1957, 1958 e 1959, depois de ter sido derrotado na final do torneio em 1956 com o Reims, justamente contra o Real Madrid.

Em 1958, ajudou a seleção da França a chegar às semifinais da Copa do Mundo da Suécia, mas a equipe foi goleada pelo Brasil por 5 a 2 na disputa por uma vaga na final, uma partida em que brilhou o jovem Pelé, que tinha apenas 17 anos na época. Os franceses terminaram o Mundial em terceiro lugar.

Naquele ano, Kopa se tornou o primeiro francês a receber o prêmio Bola de Ouro europeu.

Em 1959, retornou ao Reims, onde jogou como profissional até 1967. Kopa se aposentou dos gramados aos 36 anos, em 1967, pelo Reims.

Raymond Kopa morreu em 3 de março de 2017, aos 85 anos, após uma longa doença.

(Fonte: https://esporte.uol.com.br/ultimas-noticias/efe/2017/03/03 – ESPORTE – Do UOL, com agências EFE e AFP – 03/03/2017)

(Fonte: http://zh.clicrbs.com.br/rs/esportes/noticia/2017/03 – ANO 53 – Nº 18.715 – ESPORTES/ Por: AFP – 03/03/2017)

Powered by Rock Convert
Share.