Ken Adam, designer de produção britânico que trabalhou nos filmes do agente secreto James Bond nos anos 1960 e 1970

0
Powered by Rock Convert

Sir Ken Adam, foi responsável pelo estilo visual dos filmes de James Bond

Adam assinou grandes criações ao longo de sua carreira | (Foto: The James Bond Archives / Divulgação / CP)

Adam assinou grandes criações ao longo de sua carreira | (Foto: The James Bond Archives / Divulgação / CP)

 

Ele foi vencedor do Oscar por “Barry Lyndon” e “As loucuras do rei George”

Sir Kenneth Adam (Berlim, 5 de fevereiro de 1921 – Londres, 10 de março de 2016), designer de produção britânico que trabalhou nos filmes do agente secreto James Bond nos anos 1960 e 1970

O designer de produção alemão Ken Adam, o “arquiteto” que criou os lendários cenários dos filmes de James Bond nas décadas de 1960 e 1970, foi responsável por fazer os cenários de “O Satânico Dr. No” em 1962, assim como os de outros filmes famosos, como a sala de guerra que aparece em “Dr. Fantástico”, estrelado por Peter Sellers e dirigido por Stanley Kubrick em 1964.

Ken Adam, designer de set dos primeiros filmes de James Bond, em imagem de 2008, em meio a objetos da série cinematográfica - (Matt Dunham/AFP Photo)

Ken Adam, designer de set dos primeiros filmes de James Bond, em imagem de 2008, em meio a objetos da série cinematográfica – (Matt Dunham/AFP Photo)

O personagem cinematográfico venceu dois Oscars, um por “Barry Lyndon” em 1976 e outro por “As Loucuras do Rei George”, em 1995.

 

Ken Adam com seu Oscar de As Loucuras do Rei George, em 1995. (Foto: Divulgação)

Ken Adam com seu Oscar de As Loucuras do Rei George, em 1995. (Foto: Divulgação)

 

Ken Adam, “arquiteto” dos filmes de James Bond

O design de produção é parte da direção destinada a dar ao filme determinadas atmosferas estéticas e caráter visual. Entre as grandes criações de Adam estão o interior do Fort Knox no filme “Goldfinger”, o quartel-general do vilão em “O Fantástico Doutor No”, ambos de James Bond, ou a famosa sala do Pentágono onde se passava a farsa nuclear de “Dr. Fantástico”, de Stanley Kubrick.

oexplorador

Powered by Rock Convert

A sala de guerra do filme "Dr. Fantástico", de Stanley Kubrick, projetada por Ken Adam (Foto: Divulgação) A sala de guerra do filme “Dr. Fantástico”, de Stanley Kubrick, projetada por Ken Adam (Foto: Divulgação)

Adam nasceu em 5 de fevereiro de 1921, em Berlim, mas sua família, judia, que administrava uma loja de artigos esportivos, fugiu para o Reino Unido antes da Segunda Guerra Mundial, e combateu durante o conflito nas fileiras do exército britânico.

O jovem começou a estudar arquitetura e se alistou mais tarde na Real Força Aérea britânica (RAF), onde foi um dos poucos militares do exército do Reino Unido com passaporte alemão durante a Segunda Guerra Mundial.

Após a guerra, começou a desenhar decorações para o cinema, até que em 1962 foi contratado para participar do primeiro filme de James Bond, “O Satânico Dr. No”.

Ken Adam morreu aos 95 anos, em 10 de março de 2016, em Londres.

“Era um gênio criador de mundos que nunca seremos capazes de visitar por nós mesmos. Roger Moore disse uma vez que a vida de Adam era ainda mais interessante que os filmes que tinha desenhado”, disse Frayling à “BBC”.

O próprio Moore, em sua conta no Twitter, classificou Adam como “amigo e visionário que definiu como deveriam ser visualmente os filmes de James Bond”.

“Foi um grande visualizador de mundos”, resumiu seu biógrafo, Christopher Frayling, em declarações à BBC.

(Fonte: http://www.correiodopovo.com.br/ArteAgenda/Variedades/Gente/2016/03/581745 – ARTE & AGENDA – VARIEDADES – GENTE – 11/03/2016)

(Fonte: http://cinema.uol.com.br/noticias/efe/2016/03/12 – ENTRETENIMENTO – CINEMA – Em Londres (Inglaterra) – 12/03/2016)

Powered by Rock Convert
Share.