Josué Montello, jornalista, professor, teatrólogo e escritor maranhense

0
Powered by Rock Convert

 

 

 

Josué de Sousa Montello (São Luís, Maranhão, 21 de agosto de 1917 – Rio de Janeiro, 15 de março de 2006), jornalista, professor, teatrólogo e escritor maranhense. Ocupou a cadeira número 29 da Academia Brasileira de Letras, da qual foi presidente de 1994 a 1995. Ele foi também embaixador do Brasil junto à Unesco, entre suas principais obras está Os Tambores de São Luís. Josué Montello faleceu dia 15 de março de 2006, aos 88 anos, de pneumonia e insuficència cardíaca no Rio de Janeiro.
(Fonte: Veja, 31 de julho de 1985 -– Edição 882 -– LIVROS/ Por Mirian Plagia Costa -– Pág; 113)
(Fonte: Veja, 22 de março de 2006 -– ANO 39 -– N° 11 – Edição 1948 –- DATAS -– Pág; 84)
(Fonte: Veja, 22 de setembro de 1993 – ANO 26 – Nº51 – Edição 1306 – MEMÓRIA – Pág; 127)

 

 

 

 

Montello era o acadêmico mais antigo da Academia Brasileira de Letras. Foi eleito em novembro de 1954, substituindo o médico e escritor Cláudio de Souza, na cadeira que tinha o dramaturgo Martins Pena como patrono e já havia sido ocupada pelo magistrado e escritor Vicente de Carvalho e pelo também dramaturgo Arthur Azevedo.

Estavam lá imortais que raramente vão à casa, como Zélia Gattai, o senador José Sarney, Lygia Fagundes Teles, Paulo Sérgio Rouanet e João Ubaldo Ribeiro, além dos que movimentam as sessões, como Antônio Carlos Secchin, José Murilo de Carvalho, Alberto Costa e Silva, Antônio Olinto, Ledo Ivo, Eduardo Portela, Murilo Melo Filho, Cícero Sandroni e o atual presidente, Marcos Vilaça.

oexploradorPowered by Rock Convert

Montello tinha mais de cem livros publicados, o mais famoso deles, Os Tambores de São Luís, um romance sobre o entrosamento das culturas negra e branca no Maranhão, traduzido em muitos idiomas. Foi subchefe da Casa Civil no período presidencial de Juscelino Kubitschek, diretor do Museu Histórico Nacional, da Biblioteca Nacional e do Serviço Nacional do Teatro, além de fundador do Conselho Federal de Cultura e embaixador do Brasil na Unesco, em Paris.
(Fonte: http://www.estadao.com.br/arquivo/arteelazer/2006 – CADERNO2 – Variedades – 16 de Março de 2006)

EMPOSSADO: na presidência da Academia Brasileira de Letras, aos 75 anos, o escritor Josué Montello. Dia 16 de dezembro de 1993, no Rio de Janeiro.

(Fonte: Veja, 22 de dezembro de 1993 – ANO 26 – Nº38 – Edição 1319 – DATAS – Pág: 106)

 

 

 

 

 

 

 

Powered by Rock Convert
Share.