“Fino, estranho, inacabado, é sempre o destino da gente.” João Guimarães Rosa (1908-1967), escritor mineiro, em “Sinfonia Minas Gerais”, de Alaor Barbosa.

0
Powered by Rock Convert

Fino, estranho, inacabado, é sempre o destino da gente.”

João Guimarães Rosa (1908-1967), escritor mineiro, em “Sinfonia Minas Gerais”, de Alaor Barbosa.

(Fonte: Revista Caras – 16 de abril de 2008 – Edição nº 754 – Citações)

Share.