“Vale repetir: não sou candidato a nada.” LUCIANO HUCK, apresentador de TV, em sua página no Facebook. Ele fez o comentário depois de uma ruidosa apresentação no Domingão do Faustão, exibida no dia 7, em que tratava da presença de seu nome na lista de presidenciáveis. Para Fausto Silva, ele disse: “O que o destino e o que Deus esperam para mim, vou deixar rolar”. A ambiguidade da frase fez com que as apostas em sua candidatura crescessem

0
Powered by Rock Convert

Vale repetir: não sou candidato a nada.”

LUCIANO HUCK, apresentador de TV, em sua página no Facebook. Ele fez o comentário depois de uma ruidosa apresentação no Domingão do Faustão, exibida no dia 7, em que tratava da presença de seu nome na lista de presidenciáveis. Para Fausto Silva, ele disse: “O que o destino e o que Deus esperam para mim, vou deixar rolar”. A ambiguidade da frase fez com que as apostas em sua candidatura crescessem

(Fonte: Veja, 17 de janeiro de 2018 – ANO 51 – Nº 3 – Edição 2565 – Veja Essa – Editado por Rinaldo Gama – “As pérolas são compiladas e coletadas da imprensa e da TV e recolhidas pelos jornalistas de VEJA” – Pág: 42/43)

 

 

Reforço que não sou candidato. (…) Vale pontuar que reprovo a linguagem utilizada contra os reais pré-candidatos.”

LUCIANO HUCK, apresentador de TV, reagindo à postagem de um vídeo nas redes sociais que o colocava na disputa das eleições para o Planalto e chamava dois de seus possíveis adversários, o ex-presidente Lula (PT) e o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), de “bandido” e “maluco”, respectivamente. Na última pesquisa Datafolha, Huck tem ao menos 5% das intenções de voto nos cenários em que é citado

(Fonte: Veja, 7 de fevereiro de 2018 – ANO 51 – Nº 6 – Edição 2568 – Veja Essa – Editado por Rinaldo Gama – “As pérolas são compiladas e coletadas da imprensa e da TV e recolhidas pelos jornalistas de VEJA” – Pág: 36/37)

Share.