“Também não me iludi com o totalitarismo de esquerda, por um raciocínio simples. Deus não é socialista. Criou os homens profundamente desiguais. Tudo o que se pode fazer é administrar humanamente essa desigualdade, buscando igualar as oportunidades, sem impor resultados.” Roberto Campos (1917-2001), economista, embaixador, ministro, senador, deputado e acadêmico, colaborou com os governos de Getúlio Vargas, Juscelino Kubitschek, Jânio Quadros, João Goulart

0
Powered by Rock Convert

Também não me iludi com o totalitarismo de esquerda, por um raciocínio simples. Deus não é socialista. Criou os homens profundamente desiguais. Tudo o que se pode fazer é administrar humanamente essa desigualdade, buscando igualar as oportunidades, sem impor resultados.”

Roberto Campos (1917-2001), economista, embaixador, ministro, senador, deputado e acadêmico, colaborou com os governos de Getúlio Vargas, Juscelino Kubitschek, Jânio Quadros, João Goulart, teve elegância e senso de humor na defesa de ideias que ganharam inúmeros adeptos nos últimos anos, deixou um mundo muito parecido com os ideais liberais que defendeu por toda a vida.

(Fonte: Revista Veja, 17 de outubro de 2001 – ANO 34 – Nº 41 – Edição 1722 – MEMÓRIA / O HOMEM QUE TINHA RAZÃO / Por Lucila Soares – Pág: 116/123)

Share.