Sunao Tsuboi, ativista do desarme nuclear e sobrevivente de Hiroshima, quando os americanos lançaram a primeira bomba atômica da história

0
Powered by Rock Convert

Foi defensor do desarmamento nuclear e sobrevivente de Hiroshima

Em 6 de agosto de 1945, o japonês Sunao Tsuboi, aos 20 anos, estava na Faculdade de Engenharia de Hiroshima quando os americanos lançaram a primeira bomba atômica da história. Ele sofreu queimaduras no corpo.

 

Um importante ativista japonês contra as armas nucleares que sobreviveu ao primeiro ataque com bomba atômica do mundo

 

Sunao Tsuboi (Ondo, Hiroshima, 5 de maio de 1925 – Hiroshima, 24 de outubro de 2021), foi um defensor japonês do desarmamento nuclear e sobrevivente do bombardeio atômico de Hiroshima em 1945. Cerca de 140.000 pessoas foram mortas e Tsuboi dedicou sua vida a fazer campanha para erradicar as armas nucleares.

O japonês, ardente defensor do desarmamento nuclear e sobrevivente do bombardeio atômico de Hiroshima, em 6 de agosto de 1945, Tsuboi, de 20 anos, frequentava a escola de engenharia em Hiroshima quando os americanos lançaram a primeira bomba atômica da história.

 

oexploradorPowered by Rock Convert

Em 6 de agosto de 1945, Tsuboi, com 20 anos, estava na Faculdade de Engenharia de Hiroshima quando os americanos lançaram a primeira bomba atômica da história.

A bomba transformou a cidade em um inferno e provocou milhares de mortes.

Tsuboi, que se reuniu com ex-presidente americano Barack Obama durante sua visita a Hiroshima em 2016, recordou a explosão “Eu sofri queimaduras no corpo todo”, afirmou.

Eles apertaram as mãos e conversaram por cerca de um minuto durante a reunião em 2016.

Esta foi a primeira visita de um presidente dos Estados Unidos à cidade desde o ataque, que foi lançado no final da Segunda Guerra Mundial, quando os Aliados repeliram o Japão.

“Pude transmitir meus pensamentos”, disse Tsuboi, que desempenhou um papel de liderança na organização nacional japonesa para sobreviventes da bomba atômica e de hidrogênio.

“Nu, tentei fugir por cerca de três horas no dia 6 de agosto, mas finalmente não conseguia mais andar”, disse ele à AFP.

Pegando uma pedra, ele escreveu no chão “Tsuboi morre aqui” antes de desmaiar, acordando apenas algumas semanas depois.

Ele estava tão fraco e com cicatrizes que teve que começar sua recuperação praticando rastejar no chão, disse ele à agência de notícias Associated Press.

Tsuboi passou a ensinar matemática em escolas no Japão, contando a jovens sobre suas experiências durante a guerra. Os alunos o apelidaram de “Sr. Pikadon” (“Sr. Flash-Boom”), disse ele em uma entrevista no site da mídia Hiroshima Peace.

“Nunca desista”, foi seu conselho para os ativistas antinucleares.

“Não devemos apenas lamentar a morte de um grande líder por nossa causa, mas também devemos continuar em seu caminho, sem se deixar abater, e sempre nos lembrar de suas palavras”, Akira Kawasaki, da Campanha Internacional para Abolir as Armas Nucleares, uma coalizão de não organizações governamentais, disse à TV pública japonesa.

Tsuboi desenvolveu câncer e outras doenças, passando períodos de sua vida profissional no hospital sendo tratado de anemia.

Cerca de 127.000 sobreviventes dos ataques à bomba nuclear em Hiroshima e Nagasaki ainda estão vivos.

A bomba Little Boy matou quase 140 mil pessoas na cidade portuária. Muitas vítimas morreram no ato, e várias em consequência dos ferimentos ou da radiação durante as semanas e meses seguintes.

Três dias depois, as forças militares dos Estados Unidos lançaram outra bomba atômica em Nagasaki (sudoeste), um ataque que provocou 74 mil mortes.

As duas bombas com uma potência de destruição inédita naquele momento levaram o imperador Hirohito a anunciar, em 15 de agosto de 1945, aos súditos a rendição aos Aliados, o que marcou o fim da Segunda Guerra Mundial

Sunao Tsuboi faleceu aos 96 anos, em 23 de outubro de 2021, vítima de anemia, afirmou um diretor da Nihon Hidankyo, que reúne as organizações de vítimas dos bombardeios atômicos da bomba nuclear de Hiroshima e Nagasaki.

(Fonte: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2021/10/27 – MUNDO / NOTÍCIA / Por g1 – 

(Fonte: https://noticias.r7.com/internacional – INTERNACIONAL / por AFP – 27/10/2021)

(Fonte: https://www.bbc.com/news/world-asia- NOTÍCIAS / MUNDO / ÁSIA / por AFP – 27/10/2021)

Powered by Rock Convert
Share.