Robert C. Norris, fazendeiro e filantropo, mais conhecido por interpretar o “Homem Marlboro original” das propagandas de cigarro

0
Powered by Rock Convert

Robert Norris, o cowboy da Marlboro que não fumava

 

Vários homens estrelaram a campanha, que reposicionou a marca no mercado mundial

 

FEZ COMERCIAIS DA MARCA ‘Homem Malrboro’ sem nunca ter fumado

 

Robert C. Norris (Chicago, 10 de abril de 1929 – Colorado Springs, 3 de novembro de 2019), fazendeiro, ator e filantropo norte-americano, mais conhecido por interpretar o “Homem Marlboro original” das propagandas de cigarro.

 

Norris nunca foi fumante, mas apareceu nos comerciais da marca de cigarros para a tabaqueira Phillip Morris durante 14 anos. Nascido em 10 de abril de 1929, Norris apesar de ter sido garoto-propaganda da famosa marca de cigarros, resolveu abandonar a campanha publicitária quando “sentiu que estava dando um péssimo exemplo para seus filhos”, disse certa vez.

 

A marca ainda tentou fazer publicidade com modelos, mas depois decidiu que teria de encontrar um verdadeiro cowboy para tornar os anúncios mais genuínos. Norris foi o escolhido.

 

O ator nasceu em Chicago e sonhava ser cowboy. Aos 18 anos já criava cavalos e mais tarde mudou-se para o Colorado onde comprou um rancho, em 1950. Acabou por ser descoberto por publicitários, quatro anos mais tarde, depois de o verem numa fotografia, num jornal, acompanhado do ator e o amigo John Wayne.

Powered by Rock Convert

“Sua autenticidade, montada em um cavalo, sentada em uma sala de reuniões, orientando uma criança ou compartilhando um momento com um amigo, era sua marca pessoal e profissional”, diz o texto. “Sem dúvida, foram essas qualidades, juntamente com sua aparência alta, robusta e bonita, que lhe deram o papel inesperado do primeiro Homem Marlboro na televisão”.

 

O comunicado conta que ele decidiu deixar o posto de Homem Marlboro quando percebeu que estava dando um mau exemplo aos filhos.

 

Outros cowboys sucederam-lhe nas campanhas publicitárias da tabaqueira Phillip Morris. Cinco dos que fumavam acabaram por morrer de doenças relacionadas com o fumo do tabaco.

 

Robert C. Norris faleceu em 3 de novembro de 2019, nos Estados Unidos, após uma vida inteira sem fumar.

Bob tinha 90 anos e estava aos cuidados do Pikes Peak Hospice, em Colorado Springs, de acordo com comunicado emitido por seu rancho, Tee Cross Ranches.

(Fonte: https://noticias.uol.com.br/internacional/ultimas-noticias/2019/11/10 – INTERNACIONAL / ÚLTIMAS NOTÍCIAS / Do UOL -10/11/2019)

(Fonte: Zero Hora – ANO 56 – N° 19.553 – 11 de NOVEMBRO de 2019 – TRIBUTO / MEMÓRIA – Pág: 31)

Powered by Rock Convert
Share.