“Quem ama, algumas vezes precisa ter a sabedoria de um agricultor, que sabe que nenhuma planta cresce e dá frutos da noite para o dia. É preciso muitos cuidados, dedicação e a crença de que após determinado período, caso pragas e intempéries não assolem a plantação, será feita uma boa colheita.” Augusto Branco, pseudônimo de Nazareno Vieira de Souza é um poeta e escritor

0
Powered by Rock Convert

“Quem ama, algumas vezes precisa ter a sabedoria de um agricultor, que sabe que nenhuma planta cresce e dá frutos da noite para o dia. É preciso muitos cuidados, dedicação e a crença de que após determinado período, caso pragas e intempéries não assolem a plantação, será feita uma boa colheita.” 

Augusto Branco, pseudônimo de Nazareno Vieira de Souza é um poeta e escritor brasileiro.

(Fonte: Folha das Máquinas – Panambi e Condor – Ano XXVI – N° 2.327 – 25/07/2017 – FRASE DO DIA – Pág: 16)

Share.