Pela primeira vez na história da NFL, uma mulher fez parte da equipe de arbitragem em uma decisão de Super Bowl

0
Powered by Rock Convert

Super Bowl LV tem a primeira mulher na equipe de arbitragem da NFL

Sarah Thomas fez parte do time de oito oficiais que trabalharam na final do dia 7 de fevereiro, em Tampa

 

Pela primeira vez na história da NFL, uma mulher fez parte da equipe de arbitragem que esteve em campo em uma decisão de Super Bowl. Aos 47 anos, Sarah Thomas foi escalada para trabalhar na grande final da liga, no dia 7 de fevereiro, no Raymond James Stadium, em Tampa, na Flórida. Ela aparece na lista com outros sete juízes.

– Sarah Thomas fez história novamente como a primeira mulher árbitra em um Super Bowl. Seu desempenho de elite e compromisso com a excelência lhe valeram o direito de arbitrar no Super Bowl. Parabéns para Sarah por esta merecida homenagem – disse o vice-presidente executivo de operações de futebol da NFL, Troy Vincent.

Não é a primeira vez que Sarah Thomas faz história. Em 2015 ela tornou-se a primeira mulher a ser contratada como árbitra na NFL, para a função de juíza de linha. Desde 2017 sua função mudou, passando para juíza de down, que fica posicionada na linha de scrimmage e tem como responsabilidade fiscalizar possíveis faltas nas linhas ofensivas e defensivas. Em 2019, ela foi a primeira mulher a trabalhar em um jogo de playoffs, na partida entre o New England Patriots e o Los Angeles Chargers.

Veja toda a equipe de arbitragem

  • Carl Cheffers – Referee

 

  • Fred Bryan – Umpire

 

  • Sarah Thomas – Down Judge

 

  • Rusty Baynes – Line Judge

 

  • James Coleman – Field Judge

 

oexploradorPowered by Rock Convert
  • Eugene Hall – Side Judge

 

  • Dino Paganelli – Back Judge

 

  • Mike Wimmer – Replay Official

 

(Fonte: https://globoesporte.globo.com/futebol-americano/noticia – FUTEBOL AMERICANO / NOTÍCIA / Por Redação do ge — Rio de Janeiro – 19/01/2021)

Powered by Rock Convert
Share.