“Ou algo é moderno ou é um museu, impossível ser as duas coisas ao mesmo tempo.” Gertrud Stein, poetisa americana

0
Powered by Rock Convert

“Ou algo é moderno ou é um museu, impossível ser as duas coisas ao mesmo tempo”, ponderou a poetisa e feminista americana Gertrud Stein (1874-1946) ao primeiro diretor do Museum of Modern Art de Nova York, Alfred Barr, num dia qualquer da década de 30.

Ela não era a única, àquela altura, a encarar com ceticismo as pretensões do à época recém nascido MOMA – inaugurado em novembro de 1929, duas semanas após o histórico colapso da Bolsa de Nova York com uma exposição de obras de Cézanne, Seurat, Van Gogh e Gauguin.

De fato, além dos desafios previsíveis de um empreendimento pioneiro como aquele, era preciso enfrentar o preconceito dos colecionadores e marchands contra tudo o que tivesse ares de moderno.

A pérola irônica de Gertrud Stein encontraria sua tradução prática nos anos seguintes, que marcaram para o Museu uma dura luta.

(Fonte: Veja, 7 de novembro de 1979 – Edição 583 – ARTE – Pág: 104/107)

Share.