Osório Furlan, foi um dos pioneiros da empresa brasileira de alimentos Sadia, empresário gaúcho que participou da consolidação e da ampliação de negócios da marca

0
Powered by Rock Convert

Osório Furlan, foi um dos pioneiros da Sadia

 

Empresário acompanhou consolidação e expansão da marca desde os primeiro meses

 

Osório Henrique Furlan (Caxias do Sul (RS), 31 de julho de 1922 – 28 de junho de 2020), empresário gaúcho que participou da consolidação e da ampliação de negócios da marca Sadia, foi um dos pioneiros da empresa brasileira de alimentos Sadia.

 

Neto de imigrantes italianos, Osório Henrique Furlan (que mais tarde ficaria conhecido no meio empresarial pela sigla OHF), nasceu em Caxias do Sul (RS), em 31 de julho de 1922. Em 1944, mudou-se para a cidade de Concórdia (para trabalhar com o sogro Attilio Fontana, na empresa recém-inaugurada). A mãe, Jacomina, foi sua primeira professora e transmitiu-lhe desde a infância o gosto pela leitura, que ele cultivaria como fonte de conhecimento. Devido a uma doença de seu pai, Gotardo, Osório precisou deixar os estudos aos 13 anos. Tornou-se então arrimo da família.

 

Em busca de oportunidades, foi morar no Oeste Catarinense, onde conheceu o empreendedor Attilio Fontana, pai de Lucy, com quem OHF viria a se casar, permanecendo ao seu lado por toda a vida. Em 1944, já vivendo com a esposa em Concórdia (SC), passou a trabalhar com o sogro Attilio na recém-inaugurada empresa de alimentos Sadia. Ainda aos 23 anos de idade, foi eleito Diretor Gerente.

 

oexploradorPowered by Rock Convert

No início dos anos 60, Osório mudou-se para São Paulo, afastando-se do dia a dia das fábricas, concentrando suas atividades na expansão do grupo, consolidando o nome Sadia no Brasil e no exterior. Na sua busca incessante por conhecimento e aprendizado, aos 47 anos ingressou na faculdade de Direito junto com seu filho Osório Henrique Furlan Júnior, tendo se tornado bacharel com mais de 50 anos de idade. Em 2007, encerrou a atividade profissional na Sadia como vice-presidente do Conselho de Administração da BRF, empresa resultante da fusão com a Perdigão.

 

O espírito irrequieto não permitiu ter uma vida pacata e assim continuou a trabalhar, comparecendo diariamente a seu escritório. Entre outras novas atividades, foi vice-presidente da Associação Comercial de São Paulo, assim como também fez parte da mesa diretora da Santa Casa de Misericórdia da capital paulista. Liderou e presidiu a restauração da histórica igreja de São Cristóvão, no bairro da Luz.

 

Com orgulho, dizia que era conselheiro informal dos filhos, netos e esperava ser também dos 18 bisnetos. O segundo filho, Luiz Fernando, presidiu o Conselho de Administração da Sadia e antes de ser empossado ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio (em 2003).

 

Osório Furlan faleceu em 28 de junho de 2020. Ele estava prestes a completar 98 anos, decorrente de causas naturais.

(Fonte: https://www.msn.com/pt-br/dinheiro/economia-e-negocios – DINHEIRO / ECONOMIA E NEGÓCIOS – 28/06/2020)

(Fonte: https://www.istoedinheiro.com.br – ISTOÉ DINHEIRO – EDIÇÃO Nº 1177 – AGRONEGÓCIO – 28.06/2020)

Powered by Rock Convert
Share.