“O governo decidiu sequestrar a Assembleia. Foi preciso morrer gente para o governo conseguir aprovar a nova Constituição à força de fuzis e baionetas e manchada de sangue.” Rubén Darío Cuellar, líder do maior partido de oposição da Bolívia, sobre a aprovação do texto geral da nova Constituição do país, dentro de um quartel da cidade de Sucre

0
Powered by Rock Convert

O governo decidiu sequestrar a Assembleia. Foi preciso morrer gente para o governo conseguir aprovar a nova Constituição à força de fuzis e baionetas e manchada de sangue.”

Rubén Darío Cuellar, líder do  maior partido de oposição da Bolívia, sobre a aprovação do texto geral da nova Constituição do país, dentro de um quartel da cidade de Sucre

(Fonte: Veja, 5 de dezembro de 2007 – ANO 40 – Nº 48 – Edição 2037 – PANORAMA – Veja Essa – Editado por JULIO CESAR DE BARROS – Pág: 74/75)

Share.