Nancy Barbato Sinatra, foi a primeira mulher do ator e cantor Frank Sinatra, que teve vários sucessos, entre eles “New York, New York” e “My Way”

0
Powered by Rock Convert

Nancy Sinatra, primeira mulher de Frank Sinatra

Casamento durou 12 anos e juntos tiveram três filhos; cantor teve outras três mulheres depois.

Em imagem de arquivo de 23 de outubro de 1946, Frank Sinatra e Nancy sorriem ao sair de uma casa noturna de Hollywood. (Foto: Associated Press)

Ela conheceu o cantor ainda na adolescência e nunca o abandonou. Foi sua confidente e o apoiou quando a carreira dele passou por um leve período de declínio

Nancy Barbato Sinatra (Nova Jersey, 25 de março de 1917 – Beverly Hills, Califórnia, 13 de julho de 2018), foi a primeira mulher do ator e cantor Frank Sinatra, que teve vários sucessos, entre eles “New York, New York” e “My Way”.

oexploradorPowered by Rock Convert

Nancy nasceu em 25 de março de 1917, em Nova Jersey, nos Estados Unidos. Eles se conheceram ainda na adolescência, em Hoboken, cidade do estado de Nova York, onde Nancy e Sinatra nasceram e cresceram, em 1934, quando ela tinha 17 anos e ele, 19. Casaram-se em 1939 e foram morar em um modesto apartamento em Nova York, e Nancy começou a trabalhar como secretária.

Nancy Barbato e Frank Sinatra começaram a namorar quando eram adolescentes. Eles se casaram em 1939 em uma igreja em Nova Jersey, e como presente de casamento ele dedicou a ela a música “Our Love”.

O casamento se deu em 1939, após cinco anos de namoro. Ela, que nasceu com o sobrenome Barbato, foi uma das maiores incentivadoras de sua carreira. Nancy costurou as roupas, que eram rasgadas pelas primeiras fãs, o acompanhou nas turnês que fazia ao lado do trompetista Harry James e suportou sua infidelidades quando se tornou o maior cantor dos Estados Unidos. Em 1951, contudo, ele a trocou pela diva de Hollywood Ava Gardner.

Depois do casamento, eles moraram em um apartamento na cidade. Nancy Sinatra trabalhou como secretária enquanto seu marido tentava iniciar sua carreira musical como garçom e cantor em um restaurante local. Nos anos 1940, quando Frank Sinatra começou a fazer sucesso, o casal se mudou para Los Angeles.

O casal teve três filhos e Frank Sinatra ganhou fama e fortuna com contratos com gravadoras, filmes e casos extraconjugais que chegaram às manchetes em revistas de fofocas antes do casamento terminar em 1951.

Nancy Sinatra trabalhou como secretária enquanto seu marido tentava iniciar sua carreira musical como garçom e cantor em um restaurante local. (Foto: Associated Press)

 

 

Mas Nancy nunca deixou o marido de lado. Sinatra a tinha como amiga e confidente. Ela o apoiou nas outras separações e quando sua carreira passou por um breve período de declínio. O cantor, por outro lado, nunca deixou de visitar a família.

 

Nancy deixou Sinatra após saber do caso dele com a atriz Ava Gardner. Semanas após o divórcio, Sinatra se casou com Ava, enquanto Nancy passou a criar os três filhos do casal: Nancy, Frank Jr. e Tina. Nancy Sinatra, que nos anos 1960 fez sucesso com a canção These Boots are Made for Walking, e Tina Sinatra, produtora de cinema.

Depois que as fofocas sobre o divórcio e o casamento de Gardner cessaram, Nancy Sinatra se dedicou à família e aos seus amigos, se retirando dos holofotes.

Segundo a filha Nancy Sinatra, o divórcio foi difícil para a mãe. “Eu a ouvia chorando baixinho à noite enquanto dormia. Às vezes eu ia até ela e simplesmente colocava meus braços ao redor dela”.

Como parte do acordo de divórcio, Nancy obteve uma porcentagem da renda do marido, a casa, a guarda dos filhos e um Cadillac.

O segundo casamento de Frank Sinatra não durou muito. Ele se divorciou de Ava Gardner dois anos depois e se casou com Mia Farrow e depois com Barbara Marx.

Nos últimos anos, a primeira mulher de Sinatra se tornaria conhecida como Nancy Sr, especialmente após a filha Nancy se tornar uma cantora famosa da década de 1960, com o “These Boots Made for Walking” e outras canções de sucesso.

Ela também manteve a amizade com o ex-marido, que fazia pedidos ao longo dos anos por massas e outros pratos de comida italiana que ela era conhecida por ser uma especialista. Nancy nunca se casou novamente.

“Não há amargura, apenas grande respeito e afeição entre Sinatra e sua primeira esposa”, escreveu Gay Talese em 1966. Segundo ele, Sinatra era bem vindo na casa de Nancy e chegava em horários estranhos, onde ligava a lareira, deitava-se no sofá e adormecia.

Nancy Sinatra faleceu em Beverly Hills, Califórnia, em 13 de julho de 2018, aos 101 anos.

“Minha mãe faleceu em paz esta noite”, disse Nancy Sinatra em seu Twitter. “Ela foi uma bênção e a luz da minha vida”, disse.

Sua morte ocorreu exatamente 20 anos depois da de Sinatra, que morreu de um ataque cardíaco em 1998, aos 82 anos, e dois anos depois de seu filho, Frank Jr, que também morreu de problema no coração. Sinatra teve depois de Nancy outras três esposas.

(Fonte: Zero Hora – ANO 55 – N° 19.141 – 16 de julho de 2018 – TRIBUTO  / MEMÓRIA – Pág: 27)

(Fonte: https://g1.globo.com/pop-arte/noticia – POP & ARTE – NOTÍCIA / Por G1 – 14/07/2018)
(Fonte: https://veja.abril.com.br/entretenimento – ENTRETENIMENTO / Por Da Redação – 15 jul 2018)
Powered by Rock Convert
Share.