Michael Ende, foi um dos mais bem-sucedidos escritores alemães

0
Powered by Rock Convert

 

 

 

 

Michael Ende

Michael Ende é autor de “História Sem Fim” e “Momo”

 

 

 

Michael Ende (Bavária, sul da Alemanha, 1929Filderstadt, Stuttgart, 28 de agosto de 1995), escritor alemão, foi um dos mais bem-sucedidos escritores alemães

 

Um dos mais bem-sucedidos escritores alemães fez sucesso com livros considerados longos para crianças, foi traduzido para mais de 40 idiomas.

 

Um dos mais importantes escritores infanto-juvenis contemporâneos, Ende é autor, entre outros, de “História Sem Fim” e “Momo”. Suas obras foram traduzidas para mais de 30 idiomas e venderam em torno de 17 milhões de exemplares.

 

A versão cinematográfica de “A História Sem Fim” (1984), do diretor alemão Wolfgang Pertersen (“O Barco”, “Inimigo Meu”), foi um sucesso de crítica e bilheteria. 

 

A História Sem Fim” –  é  sua obra mais comentada. A complexa e genial saga do menino que lê um livro e se encontra dentro dele acabou indo para os tribunais. Filmada por Wolfgang Petersen, em 1984, “The Neverending Story” opôs diretor e autor: Ende entendeu banalizada a história que criou. O escritor perdeu o processo, mas quem lê o livro e vê o filme, garante que o filme não conseguiu retratar a história em sua magnitude e riqueza de detalhes.

 

oexploradorPowered by Rock Convert

Em “Momo e o Senhor do Tempo”, adaptação dirigida em 1986 pelo diretor alemão Johannes Schaaf, com John Huston no elenco, a heroína é uma garota que ajuda as pessoas a recuperar as horas roubadas por “ladrões do tempo”.

 

Ende, filho do pintor surrealista Edgar Ende (1901-1965), nasceu em 1929, em Garmisch-Partenkirchen (Bavária, sul da Alemanha). Antes de se tornar escritor, trabalhou como ator e foi crítico de cinema.

 

O escritor se dizia influenciado pelas teorias do educador Rudolf Steiner (1861-1925) e pela literatura de Novalis, Kafka, Borges, Stevenson e Tolkien.

 

Ende também escreveu um romance adulto, “O Espelho Dentro do Espelho”, e obras para teatro, como “Jojo – História de um Saltimbanco”.

 

Sua última obra, “Lirum Larum”, um livro de desenhos, foi lançado na Europa em setembro de 1995. 

 

Já famoso, disse que escrevia à mão, comparando seu ofício ao do pai. Comprometido com seus personagens, Micheal Ende demorou seis anos para concluir “Momo”, um outro livro de sua autoria que também fez muito sucesso. “Um escritor preguiçoso poderia ter tomado o caminho mais fácil e dado a Momo algum tipo de poder especial ou uma capa mágica, mas isso não teria me satisfeito”, disse sobre quando se viu incapaz de solucionar a trama.

 

Durante muito tempo, Michael Ende viveu na Itália, onde refugiou-se com a primeira mulher, Ingeborg Hoffmann, por não aceitar ver seu trabalho conhecido como escapista em seu país de origem. No entanto, afastado da sua pátria,  teve  nova compreensão do povo e do lugar que deixou para trás e para onde voltou e viveu até 1995, quando morreu de câncer, em Stuttgart.

Michael Ende 65, morreu em 28 de agosto de 1995, de câncer em Filderstadt, cidade próxima a Stuttgart (sul da Alemanha).

(Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/fsp/1995/8/30/ilustrada/4 – FOLHA DE S.PAULO – ILUSTRADA – DAS AGÊNCIAS INTERNACIONAIS – 30 de agosto de 1995)

Copyright Empresa Folha da Manhã S/A. Todos os direitos reservados. 

(Fonte:  http://www.brasil.diplo.de/Vertretung/brasilien/pt/__pr/DZBrasilia__Artigos/Antigos/Literatura/290410__michaelende.html?archive=3157368 – Embaixada e Consulados Gerais da Alemanha no Brasil – 29/Abr/2010)

© Fabíola Brites (Centro Alemão de Informação)

Powered by Rock Convert
Share.