Len Wein, lendário editor de quadrinhos e quadrinista criador de personagens como Wolverine e Monstro do Pântano

0
Powered by Rock Convert

Lendário editor de quadrinhos e quadrinista criador de personagens como Wolverine e Monstro do Pântano

 

Len Wein (Foto: Divulgação)

 

Len Wein (Nova York, 12 de junho de 1948 – 9 de setembro de 2017), autor de histórias em quadrinhos, co-criador de Wolverine e do Monstro do Pântano.

Wein teve uma ilustre carreira nos quadrinhos, contribuindo tanto com a Marvel quanto com a DC. Como editor, ele trabalhou com Alan Moore e Dave Gibbons na aclamada obra Watchmen.

O primeiro trabalho de Len em quadrinhos foi a história “Eye of the Beholder” para a Editora DC Comics, em 1968. Já seu primeiro super-herói da Marvel foi o Demolidor, em 1970. Depois disso, o escritor ainda criou o Monstro do Pântano, participou da reformulação de X-Men, entre tantos outros projetos.

Um dos maiores nomes dos quadrinhos, Wein começou sua carreira em Eye of the Beholder, história que apareceu na edição 18 de Os Jovens Titãs, em 1968.

Pouco depois, criou para DC Comics ao lado de Bernie Wrightson o Monstro do Pântano, que apareceu pela primeira vez na revista The House of Secrets 92.

O quadrinista começou a trabalhar na indústria em 1968, sendo seu primeiro trabalho na DC com Teen Titans #18. Em 1978 ele se mudou para a Marvel, onde começou com Daredevil #71. Além de suas criações mais famosas, Monstro do Pântano e Wolverine, Wein também foi responsável por Giant Size X-Men, quadrinho que reformulou completamente os X-Men inserindo personagens como Tempestade, Noturno, Colossus e, é claro, o próprio Wolverine.

No início dos anos 70 ele começou a trabalhar na Marvel, onde co-criou Wolverine ao lado dos desenhistas John Romita Sr. e Herb Trimpe (1939-2015) durante o período no qual escreveu para O Incrível Hulk. Porém, seu grande trabalho aconteceria em meados daquela década.

oexploradorPowered by Rock Convert

Ao lado do desenhista Dave Cockrum (1943-2006), ele reviveu em 1975 os X-Men – que estavam sem uma revista há cinco anos. Ele reformou o timedando origem à equipe moderna, e criou clássicos como Noturno, Tempestade e Colossus e Pássaro Trovejante.

Em X-Men Classic #1, o Professor X recruta os novos heróis e os coloca ao lado de Solaris, Banshee, Ciclope e Wolverine para tentar resgatar seus antigos alunos, presos por uma entidade chamada Krakoa, a Ilha Viva.

Anos mais tarde, ele voltou para DC Comics onde sua principal contribuição foi em Watchmen, um dos maiores quadrinhos de todos os tempos. Lein foi editor do roteirista Alan Moore e sua colaboração para história foi fundamental para o clássico.

Em 1972, Len venceu o Shazam Award como melhor escritor dramático em 1972, por Monstro do Pântano.

Len Wein morreu em 9 de setembro de 2017, aos 69 anos. A notícia foi dada por Brian Michael Bendis, criador de quadrinhos como Powers e que escreve para O Homem-Aranha. 

Hugh Jackman, conhecido por dar vida ao personagem Wolverine, lamentou a morte do autor. “Abençoado por ter conhecido Len Wein. Meu primeiro encontro com ele foi em 2008. Deste coração, mente e mãos veio o maior personagem em quadrinhos”.

(Fonte: http://g1.globo.com/pop-arte/noticia – POP & ARTE – NOTÍCIA / Por G1 – 11/09/2017)

(Fonte:http://ovicio.com.br – FILMES/ Por Murilo Oliveira – set 10, 2017)

(Fonte: https://omelete.uol.com.br/quadrinhos/noticia – QUADRINHOS – HQ/LIVROS / Por FÁBIO DE SOUZA GOMES – 10/09/2017)

Powered by Rock Convert
Share.