Jerry Wexler, um pioneiro do rythm and blues e guia musical de artistas como Ray Charles e Aretha Franklin

0
Powered by Rock Convert

Jerry Wexler, o guia musical de Ray Charles e Aretha Franklin

Jerry Wexler foi um pioneiro do rythm and blues (Foto: www.nydailynews.com)

Jerry Wexler foi um pioneiro do rythm and blues (Foto: www.nydailynews.com)

Jerry Wexler (Bronx, Nova York, 10 de janeiro de 1917 – Sarasota, Flórida, 15 de agosto de 2008), foi um dos mais importantes produtores do r&b e da música soul

O renomado produtor musical norte-americano de Bob Dylan e Ray Charles foi um pioneiro do rythm and blues e guia musical de artistas como Ray Charles e Aretha Franklin.

Wexler foi o principal produtor e depois vice-presidente do selo Atlantic, criado por Ahmet Ertegun (1923-2006) em fins dos anos 1940, nos EUA (e comprado nos anos 60 pela Warner), trabalhando com artistas como Ray Charles, Aretha Franklin, Otis Redding, Wilson Pickett, além de Willie Nelson, Cher, Dusty Springfield e Bob Dylan.

Wexler, que também gravou canções com nomes ilustres da música americana como Bob Dylan e Willie Nelson, foi um dos criadores da Atlantic Records.

O selo fonográfico foi o canal através do qual ficaram conhecidos muitos artistas negros na década de 1960.

Também foi Wexler quem contratou para a Atlantic o grupo Led Zeppelin, trabalhando ainda em discos de artistas como Bob Dylan, Santana, Dire Straits e George Michael.

Filho de imigrantes poloneses judeus Wexler foi sócio e executivo da Atlantic Records até 1975.

O produtor nasceu em Nova York em 1917 e, após cumprir serviço militar na Marinha durante a Segunda Guerra Mundial, trabalhou como jornalista da revista “Billboard”, onde criou o termo “Rythm and Blues” para se referir a um estilo particular da música popular americana.

oexploradorPowered by Rock Convert

Além de trabalhar com Charles, Dylan e Franklin, Wexler também produziu discos de longa duração com Led Zeppelin e Carlos Santana.

O produtor gravou 16 álbuns com Aretha Franklin, que, após assinar com a Atlantic Records, dedicou a maior parte de seus esforços à música gospel.

Jerry Wexler morreu em sua casa, em Sarasota, no Estado americano da Flórida, em 15 de agosto de 2008, aos 91 anos.

Em Nova York, David Ritz, um produtor que trabalhou com Wexler desde seus primeiros anos na indústria, disse que a morte do produtor ocorreu após sofrer vários anos de uma doença cardiovascular congênita.

“Jerry representou uma rara combinação de criatividade, inteligência, sabedoria, sensibilidade artística e espírito empresarial na evolução da Atlantic, que passou de um pequeno selo independente para se transformar em um gigante da indústria”, disse a empresa em comunicado.

(Fonte: http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo – n1237690304830 – MUNDO – Los Angeles (EUA.) – (EFE) – 15/08/2008)

(Fonte: http://oglobo.globo.com/cultura -3607776 – CULTURA/ por Antônio Carlos Miguel – O Globo – 15/08/2008)

© 1996 – 2015. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A.

Powered by Rock Convert
Share.