Glauco Rodrigues, foi um nome destacado no panorama artístico do país pelo menos três décadas

0
Powered by Rock Convert

O mestre das imagens

 

Glauco Rodrigues (Bagé (RS), 5 de março de 1929 – Botafogo, Rio de Janeiro, 19 de março de 2004), um dos artistas que melhor souberam usar a metáfora da arte para criticar o regime militar e a opressão pós-64.

 

O artista plástico Glauco Rodrigues, considerado um dos maiores representantes do nacionalismo, se orgulhava de dizer que nunca fez nada na vida, além de pintar.

 

Gaúcho de Bagé, Glauco ingressou em 1947, na Escola de Belas Artes de Porto Alegre, transferindo-se dois anos depois para o Rio de Janeiro, cidade que o inspirou a criar suas telas, que exaltavam a mulher brasileira e as belezas naturais do País.

 

 

Com muito humor e um colorido vivo, ele costumava traçar suas obras também com requintes de detalhes próximos do fotorrealismo. Glauco foi um nome destacado no panorama artístico do país pelo menos três décadas.

oexploradorPowered by Rock Convert

 

Se instalou no Rio de Janeiro em 1965, após três anos em Roma. Nessa época estava interessado principalmente em pesquisas de formas e materiais. Só pensava em múltiplos e acrílicos. Mas aos poucos começou a sentir que sua evolução corria paralela à realidade brasileira. Voltou ao quadro de cavalete.

 

Com ele, Rodrigues realizou, em 1969 e 1970, duas exposições. A primeira era uma espécie de crônica de costumes da praia e do bairro de Ipanema. A outra (intitulada “Terra Brasilis”) tinha maiores ambições. “Procurava dar uma visão geral do Brasil, com todos seus desníveis e contrastes.”

 

Numa exposição em 1971, em São Paulo, Rodrigues iniciou sua incursão pelo mundo dos textos. Primeiro, foi a carta de Pero Vaz de Caminha (“Eu queria justapor o Brasil de agora ao de 1500”).

 

(Fonte: Veja, 13 de dezembro de 1989 – ANO 22 – N° 49 – Edição 1109 – LIVROS/ Por ANGÉLICA DE MORÃES – Pág; 140/141)

(Fonte: Veja, 15 de agosto de 1973 – Edição 258 – ARTE/ Por Marinho de Azevedo – Pág: 112)

(Fonte: https://www.terra.com.br/istoegente/242/aconteceu – Edição 242 – ACONTECEU – TRIBUTO / por Dirceu Alves Jr. – 29/03/2004)

Powered by Rock Convert
Share.