Foi o criador do primeiro aparelho de videogame do mundo

0
Powered by Rock Convert

Ralph Baer, inventor do primeiro videogame

O alemão foi pioneiro no desenvolvimento de consoles e criou o famoso Genius, sucesso na década de 1980

 

O alemão Ralph Baer foi o criador do primeiro aparelho de videogame do mundo – (Foto: Agência Globo)

 

Engenheiro nascido na Alemanha criou o Odyssey, o 1º console doméstico.
Considerado pioneiro na indústria, ele registrou mais de 150 patentes.

 

Considerado como o “pai dos videogames”, Ralph Baer, inventor do Genius e ‘pai dos videogames’ deixou mais de 150 patentes registradas em seu nome.

É dele a criação do primeiro videogame, na década de 1960, chamado simplesmente de “brown box”. Anos depois, o aparelho ficou conhecido como Magnavox Odyssey, tendo sua primeira demonstração pública em 1972.

O modo de definir os consoles parte vem desta época: um computador, dentro de uma caixa, manipulado por controles e conectado a uma televisão. Ele também desenvolveu um controlador do tipo “pistola de luz”, que foi utilizado em jogos de tiro. Acredita-se que tenha sido o primeiro periférico criado para videogames. Mais tarde, Baer projetou o brinquedo eletrônico Simon (conhecido no Brasil , a partir dos anos 1980, como Genius).

 

O engenheiro americano de origem alemã Ralph H. Baer, inventor do popular jogo Genius e do console Odyssey, pelo qual passou a ser considerado “o pai dos videogames”, nasceu na Alemanha em 1922 e se mudou com a família para os Estados Unidos em 1938.

O inventor desenvolveu, trabalhando na empresa Sanders Associates, o primeiro console doméstico, originalmente batizado de “brown box”. O aparelho foi licenciado e comprado pela Magnavox, que a partir de 1972 passou a vendê-lo com o nome de Odyssey.

O Odyssey “lançou as bases para os videogames como os conhecemos hoje”. No primeiro ano após o lançamento, foram vendidas 130 mil unidades.

Meses depois de o produto chegar às lojas, a Atari lançou o jogo Pong, o primeiro arcade. Embora o Pong tenha se tornado mais conhecido que o Odyssey, a Sanders Associates e a Magnavox viram ali uma violação de patente.

Powered by Rock Convert

Eles então processaram a Atari em 1974 e receberam US$ 700 mil. Ao longo dos 20 anos seguintes, a Sanders e a Magnavox processeriam dezenas de outras empresas, ganhando ao todo mais de US$ 100 milhões. Baer foi testemunha em muitos desses casos.

 

Ícone da cultura pop

 

Em 2006, Ralph H. Baer recebeu das mãos do então presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, a Medalha Nacional de Tecnologia. Em 2008, foi homenageado com o prêmio de pioneiro na conferência Game Developers. Em 2010, entrou no Hall da Fama do National Inventors, entidade que reúne os inventores americanos.

 

Chamado lá fora de “Simon”, o jogo Genius surgiu em 1978 e se tornou, nos anos 1980, um ícone da cultura pop. Ele é vendido até hoje. “Para mim, ter ideias novas e transformá-las em produtos reais foi sempre tão natural quanto respirar”, escreveu Baer em sua autobiografia, “Videogames: In the beginning”, publicada em 2005.

Baer registrou ao longo da carreira mais de 150 patentes, tantos nos Estados Unidos quanto em outros países.

 

Ralph Baer faleceu em casa, em Manchester, no estado de New Hampshire. Ele deixa dois filhos, James e Mark, uma fiilha, Nancy, e quatro netos. Sua mulher, Dena Whinston, com quem foi casado por 53 anos, morreu em 2006.

(Fonte: http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2014/12 – TECNOLOGIA – NOTÍCIA / Do G1, em São Paulo – 08/12/2014)

(Fonte: https://oglobo.globo.com/sociedade/tecnologia – SOCIEDADE – TECNOLOGIA / POR O GLOBO – 

Powered by Rock Convert
Share.