Foi a primeira diretora negra de Hollywood

0
Powered by Rock Convert

 

 

 

 

 

Condecorada por Barack Obama, ela havia lido um de seus poemas na cerimônia de posse de Bill Clinton

Maya Angelou (St. Louis, no Missouri, 4 de abril de 1928 – Winston-Salem, Carolina do Norte, 28 de maio de 2014), escritora, poeta, memorialista e ativista dos direitos humanos norte-americana

Maya desempenhou importante função como ativista dos direitos humanos. “Se crescer é doloroso para uma garota negra do Sul, ter consciência de seu deslocamento é a ferrugem na navalha que ameaça o pescoço”, grafou no livro “Eu sei por que o pássaro canta na gaiola”, um relato da discriminação racial que sofreu nos Estados Unidos, lançado em 1969.

A polivalente escritora estudou e ensinou dança em excursões pela Europa e pela África, produziu e estrelou espetáculos na Broadway, escreveu para jornais na África e produziu um seriado para a televisão sobre a negritude na sociedade americana. Em 1964, ajudou Malcom X a estabelecer a Organização de Unidade Afro-americana. Na mesma década, a pedido de Martin Luther King Jr., coordenou a Conferência de Liderança Cristã no Sul.

Marguerite Ann Johnson, que recebeu o apelido Maya de seu irmão. Ela se destacou nos anos 1960 durante o movimento pelos direitos civis, ajudando a mudar a sociedade segregada na qual cresceu.


Além dos dez volumes de poesia e da obra autobiográfica, ela publicou livros sobre gastronomia, compôs canções para filmes e foi a primeira diretora negra de Hollywood.

Seu trabalho também teve influência no cinema e na música. John Singleton usou seus poemas em “Poetic justice” (1993), filme no qual Angelou atuou ao lado de Janet Jackson e Tupac. No ano seguinte, Ben Harper adaptou um de seus poemas na canção “I’ll rise”, de seu álbum de estreia “Welcome to the cruel world”.

oexploradorPowered by Rock Convert

Em 1993, ela leu um poema na cerimônia de posse do presidente Bill Clinton. Também foi condecorada com a medalha da liberdade em 2011, pelo presidente Barack Obama.

Filha de um vendedor e de uma enfermeira, Maya nasceu em 4 de abril de 1928, em St. Louis, no Missouri. Ganhou notoriedade como escritora, mas teve inúmeras carreiras ao longo da vida: foi motorista de ônibus, editora de revista no Egito, atriz, dançarina, cantora, professora e pesquisadora, entre outras atividades.

A escritora  Maya Angelou, 86 anos, morreu em 28 de maio de 2014 , em sua casa na cidade de Winston-Salem, na Carolina do Norte.

 

(Fonte: http://oglobo.globo.com/cultura/ CULTURA – POR NEW YORK TIMES – 28/05/2014)

(Fonte: Zero Hora – ANO 51 – N° 17.762 – TRIBUTO/ Por Bruna Ayres – 29 de maio de 2014 – Pág: 36) 

 

 

 

 

 

 

 

Powered by Rock Convert
Share.