Carlos, deixa de vãs filosofias,/ olha aí, olha o broto, olha as…

0
Powered by Rock Convert

“Carlos, deixa de vãs filosofias,/ olha aí, olha o broto, olha as esguias/ pernas, o busto altivo, olha a serena arquitetura feminina em cena.”

Carlos Drummond de Andrade (1902-1987), poeta mineiro.

(Fonte: http://www.caras.uol.com.br – 19 de novembro de 2009 – EDIÇÃO 837 – Citações)

Share.