Artenio Cola, proprietário de uma das principais confecções femininas da Capital, na década de 50

0
Powered by Rock Convert

Artenio Cola

Powered by Rock Convert

Proprietário de uma das principais confecções femininas da Capital, na década de 50, filho de imigrantes italianos, nascido em Gramado, Artenio Cola morreu dia 19 de setembro, 2008, no Complexo Hospitalar Mãe de Deus, por falência múltipla de órgãos.
Cola fundou a confecção Salem com a mulher Hilda, e duas cunhadas em 1953. Localizada na Avenida Protásio Alves, a loja sofreu um grande prejuízo em outubro de 1959, quando o prédio de dois andares em que se localizava desabou. Em 1964, Cola inaugurou uma sede própria, na mesma avenida mantida até hoje.
Cola morou na infância em Gravataí, mas desde os 16 anos residia em Porto Alegre, no bairro Petrópolis. Aos 18 anos, prestou serviço militar. Em janeiro de 1945, chegou a ser convocado para a II Guerra Mundial, mas, não chegou a combater. Em 1946, trabalhou em uma empresa de peças de automóveis, onde atuou com vendas e, posteriormente, como caixeiro viajante.

(FONTE: Zero Hora, Anúncios Fúnebres e Religiosos – Nº15. 727 – Ano 45 – Pág.55
20/09/2008)

Powered by Rock Convert
Share.