“Abro o velho caderno e pela capa rasgada entro na minha infância, como Alice entrava, pelo espelho, na poesia de seu país de maravilhas.” Pedro Nava (1903-1984), médico, professor e escritor mineiro, em “Baú de Ossos”, um dos vários livros de memórias que escreveu depois de aposentado

0
Powered by Rock Convert

Abro o velho caderno e pela capa rasgada entro na minha infância, como Alice entrava, pelo espelho, na poesia de seu país de maravilhas.”

Pedro Nava (1903-1984), médico, professor e escritor mineiro, em “Baú de Ossos”, um dos vários livros de memórias que escreveu depois de aposentado

(Fonte: Revista Caras, 2 de novembro de 2018 – ANO 25 – N° 44 – Edição 1304 – CITAÇÕES – Pág: 32)

Share.