“A tarde talvez fosse azul,/ não houvesse tantos desejos.” Carlos Drummond de Andrade (1902-1987), poeta mineiro.

0
Powered by Rock Convert

A tarde talvez fosse azul,/ não houvesse tantos desejos.”

Carlos Drummond de Andrade (1902-1987), poeta mineiro.

(Fonte: Revista Caras – 1° de outubro de 2009 – EDIÇÃO 830 – Citações)

Share.