“A impunidade anda de mãos dadas com a violência.” Silvia Chakian, promotora do MP de São Paulo

0
Powered by Rock Convert

“Quando acordei, tinha 33 caras em cima de mim.”

Adolescente de 16 anos ao relatar um estupro coletivo no Rio de Janeiro. Os estupradores divulgaram fotos e um vídeo na internet

 

 

 

“A transmissão das imagens torna a vida dessa pessoa eternamente humilhante.”

Daniela Gusmão, advogada, presidente da Comissão OAB Mulher, sobre o estupro coletivo no Rio de Janeiro

Daniela Gusmão | (Foto: Lula Aparício)

Daniela Gusmão | (Foto: Lula Aparício/Reprodução)

 

 

“As duas foram atraídas pelos algozes em tramas premeditadas, e violentamente atacadas, num contexto de uso de drogas ilícitas.”
Organização das Nações Unidas (ONU)ao comparar o estupro coletivo no Rio de Janeiro a outro cometido no Piauí, no dia 20

“A impunidade anda de mãos dadas com a violência.”
Silvia Chakian, promotora do MP de São Paulo

Silvia Chakian (Foto: www.brasilpost.com.br/Reprodução)

Silvia Chakian (Foto: www.brasilpost.com.br/Reprodução)

(Fonte: http://epoca.globo.com/tempo/noticia/2016/05 – TEMPO – NOTICIA – Frases que resumem a semana/ Por GABRIELA VARELLA E MARCELO MOURA – 20/05/2016)

Share.